Delta do Parnaíba

terça-feira, 20 de maio de 2008


Chegando em Parnaíba, no Piauí

Viajamos para Teresina, capital do Piauí, no dia 20 de maio de 2008, chegando à meia-noite.

Dicas de hospedagem na capital piauense, com reserva antecipada, são: Ibis Teresina (Rua Primeiro de Maio, 450), com diária para casal a R$ 69, sem café da manhã; e Hotel Cidade do Sol (Avenida Barão de Gurguéia, 1160 – Vermelha), com diária a R$ 75 e com café. Ambos ficam perto do aeroporto e a corrida de táxi varia de 15 a 18 reais.

No dia seguinte, às 8h, pegamos o ônibus para a cidade de Parnaíba. O primeiro ônibus parte às 6h. São 5 horas de viagem (336 km), aproximadamente, pela empresa Guanabara. A passagem custou R$ 33,50. A cidade de Luís Correia é outra opção para hospedar-se.

Ao chegarmos na rodoviária de Parnaíba, não havia ninguém para pedirmos informação. Por sorte, já havíamos reservado nossa hospedagem na Pousada Chalé Suíço (Avenida Padre Raimundo Vieira, 448 Bairro Fátima). O proprietário não é simpático. Os quartos têm ar condicionado e TV, mas são escuros e têm bastantes mosquitos. O café da manhã é fraco. A diária para casal sai a R$ 44 (na baixa temporada) e a R$ 52 (na alta temporada). Contatos: 86 3321.3026 e chalesuico@bol.com.br



Pode-se chegar a Parnaíba de avião. Há vôos de Fortaleza (CE) e Teresina (PI) diretamente para a cidade.



Para o Delta, pode-se partir do Porto de Tatús, em Ilha Grande, município vizinho a Parnaíba, no Piauí. Há inúmeras “voadeiras” (lanchas) que oferecem seus serviços. A viagem é agradável e perfeita para admirar as belezas do Delta e seus manguezais, flora e fauna. São diversas ilhas, até o estado do Maranhão.

O Mundinho, pescador nativo da região, leva turistas em seu próprio barco. Muito cordial, ele descreve a vegetação no decorrer do trajeto, além de parar nos manguezais para mostrar como se pega os caranguejos, bem abundantes na região. Também há uma parada em uma prainha, em meio às dunas, e para o almoço, no restaurante e pousada "Paraíso das Canárias" (http://www.paraisodascanarias.com.br/), à beira do rio. O telefone do Mundinho é: 86 3323.0241.


Outro local onde você pode pagar seu passeio é no Porto das Barcas, com algumas agências de turismo. Uma sugestão é a Casa do Turismo, com o guia Antônio Sueles, que organiza excursões pelo Delta do Parnaíba e, também, para os Lençóis Maranhenses. Telefones: 86 3321.1243 / 8804.2690 ou e-mail: anne@deltaparnaiba.com


Delta do Parnaíba


O Delta do Parnaíba é um dos únicos do mundo em mar aberto, com um ecossistema riquíssimo. É composto de dunas, lagoas, florestas, plantações, manguezais e praias desertas. Macacos-prego, jacarés-do-papo-amarelo, garças e caranguejos-uçá compõem a fauna da região.

De clima tropical, a região apresenta uma temperatura média de 26º C.

Formado pelo rio Parnaíba, o delta envolve mais de 70 ilhas fluviais. Além de dunas, praias, rios e igarapés, possui extensas florestas de manguezais. O mangue é um dos ecossistemas mais ricos e vitais para o equilíbrio ambiental da zona costeira, onde a vida marinha se alimenta e se reproduz. Enfim, a paisagem é exuberante e garante um bonito cenário no estado.


O rio divide-se em 5 bocas, cujas águas desembocam no oceano que, no sentido oeste-leste, são chamadas: Tutóia, Melancieira ou Carrapato, Caju, Canárias – todas maranhenses – e Barra do Rio Igaraçu, que desemboca no município piauiense de Luís Correia.

A área total é estimada em 2.700 km², distribuída de forma retangular. A orla, com 90 km de comprimento por 30 km de largura, abriga igarapés, mangues, dunas, ilhas e ilhotas. Entre as ilhas, destacam-se: Ilha Grande, do Paulino, Caju, Canárias e Ilha Grande Santa Isabel, que ocupam cerca de 80 mil hectares. Na Ilha do Caju, o solo é arenoso e caracteriza-se pela presença de bromélias e cactáceas. Lá, há também boas opções de pousadas.

O Delta tem as atividades econômicas ligadas e influenciadas por quatro cidades: Parnaíba, Luís Correia, Araióses e Tutóia. As principais são a agricultura extensiva, a extração de sal marinho e a pesca, que colabora com mais de 80% da arrecadação dos municípios, sustentando uma mão-de-obra informal de mais de quatro mil famílias.



Destaque para a coleta do caranguejo-uçá (vive em tocas cavadas em meio ao lamaçal dos mangues. Durante a maré alta, o uçá permanece na toca; quando baixa, ele sai em busca de alimento), que, nos últimos 10 anos, contribuiu com 40% do total de pescado produzido na região.

Cozido em água e sal, pode ser degustado de três maneiras: inteiro, sendo preciso desmembrá-lo com pauzinhos; patinhas à milanesa; e com a casquinha feita com a carne cozida do caranguejo.


Outras atrações do Delta

Ponta das Canárias

Praia reta, com dunas e areia fofa, é ideal para pescar. A Ponta das Canárias situa-se na ilha de mesmo nome.


Pedra do Sal
Pertencente ao município de Ilha Grande de Santa Isabel, a Pedra do Sal conta com dunas, lagoas de águas claras e morros. No lado direito da praia, as ondas são muito fortes.

Lagoa Azul
Formada pelas águas das chuvas de inverno, a lagoa lembra bastante a paisagem dos Lençóis Maranhenses. Encontra-se no meio de dunas e tem água doce.



Ilha do Caju
A ilha, com diversas dunas, é uma propriedade particular, no entanto está aberta à visitação. Outros destaques do lugar são a cultura e o folclore local.

 

Atividades noturnas


À noite, a grande atração é sentar-se à margem do rio Igaraçú e desfrutar dos deliciosos frutos do mar oferecidos pelos restaurantes.

 

História


O primeiro a desbravar a região foi o navegante português Nicolau de Resende, em 1571, que perdeu toneladas de ouro em um naufrágio próximo à foz do rio Parnaíba. O navegante passou os 16 anos seguintes procurando seu tesouro.

Read more...
Ocorreu um erro neste gadget

Visitantes (últimos 7 dias)

Visite Blog RotaCinema

  • O Homem Elefante (The Elephant Man) - *País*: EUA *Ano*:1980 *Gênero*: Drama *Duração*: 124 min *Direção*: David Lynch *Elenco*: John Hurt, Anthony Hopkins, Freddie Jones, Anne Bancroft e John ...
    Há 3 dias

Postagens populares

Tags

Rio parnaíba, sete maravilhas do mundo, 7 maravilhas do mundo, dicas de viagem, blog Simone, viagem barata, viagem independente, hotel barato, Simone Rodrigues Soares, Ricardo José Andrade Leite Viana.



  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP